NOSSA CASA

NOSSA HISTÓRIA

ONDE ESTAMOS

QUEM SOMOS

O COMPLEXO

FALE CONOSCO

Carros na pista e confraternização no paddock. A quinta edição do McLaren Born On The Track, realizada no sábado (11 de junho) aqui no autódromo Velocitta, comemorou quatro anos de presença da McLaren no Brasil com a presença de diversos carros especiais. Orientados por uma equipe de pilotos profissionais, os proprietários de carros McLaren tiveram os 3,493 km do traçado do Velocitta abertos para pilotar.

 

 

“O Born On The Track é um dos momentos mais aguardados pelos clientes e felizmente conseguimos fazer com que cada um seja melhor que o anterior”, avalia Henry Visconde, presidente da UK Motors, importadora oficial da McLaren no Brasil. Para Rodrigo Soares, diretor de operações da UK Motors, o evento atingirá novos patamares nas próximas edições, especialmente depois da chegada ao Brasil do McLaren Artura, prevista para o segundo semestre. “Temos uma quantidade expressiva de carros encomendados e muitos desses clientes pretendem experimentá-lo na pista”, explica.

 

A programação do Born On The Track 5 reservou dois períodos de 90 minutos de manhã e outro de duas horas à tarde para os proprietários pilotarem seus McLarens. Entraram na pista modelos 765LT, 720S, P1, 570S e 540C, além de dois dos quatro McLaren Senna importados pela McLaren São Paulo para o Brasil. Vinte e cinco convidados da Porto Seguros, XP Unique e Pirelli fizeram hot laps (voltas rápidas de carona no banco do passageiro) em um McLaren 600LT. Durante o intervalo para almoço, aconteceu a McLaren Parade (duas voltas em ritmo moderado por um carro madrinha) e foi feita uma foto oficial dos participantes do Born On The Track na reta principal do traçado.

 

Nos boxes, além dos carros dos participantes, dois McLaren especiais estavam em exposição estática: um 720S GT3 de corrida e um 720S configurado pela MSO. O primeiro disputa o campeonato Endurance Brasil com os pilotos Marcelo Hahn e Allam Khodair. Na temporada de 2021, venceu duas corridas e terminou o campeonato em terceiro lugar. O 720S de rua, por sua vez, é um carro exclusivo nas Américas – na Inglaterra, a McLaren entregou um semelhante para o piloto Lando Norris. A pintura nas cores azul claro e laranja com logotipos da petrolífera Gulf homenageia diversos carros de corrida lendários das últimas cinco décadas – entre eles, os McLaren F1 GTR vitoriosos nas corridas de GT na década de 1990. Juntas, McLaren e Gulf tiveram muito sucesso no começo da década de 1970. No ano passado, a parceria foi retomada na equipe de Fórmula 1.

 

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.